A tora de peroba e a estátua que nunca chegou ao Vaticano

 

Ao final dos anos 60 ou início dos anos 70, foi ofertada uma tora de peroba das matas de Cianorte para que um escultor de São Caetano do Sul fizesse uma grande estátua de São Pedro para presentear o Papa Paulo VI. (Foto = Eleutério Langowski)
A tora de peroba tinha destino certo (Foto = Eleutério Langowski)

Quando a escultura ficou pronta, foi exposta em frente à catedral da Sé em São Paulo e depois retornou para São Caetano do Sul. Ela era muito grande para transportar até o Vaticano, então ficou por lá mesmo. A última notícia que tivemos, era que ela estava encostada em um terreno vazio, abandonada. Cianorte poderia pleitear para trazê-la para nossa cidade. Seria uma interessante atração turística para o turismo religioso daqui.

O presente que nunca chegou no Vaticano (Foto = Eleutério Langowski)
O destino era Roma (Foto = Eleutério Langowski)
Mas ficou mesmo em São Caetano do Sul (Foto = Eleutério Langowski)

 


Nota = Na postagem a respeito do paradeiro da escultura Marilice Hindemburg Puschmann de Menezes postou um link do Diário do Grande ABC que informa que a estátua havia sido incinerada por estar tomada de cupins, em 2013.

 

Um dos últimos registro da estátua (Foto = André Henrique)
error: Conteúdo Protegido